Com que frequência se devem mudar os lençóis?

Set 27, 2019 | ACONSELHAMOS-TE, MELHORA O TEU DESCANSO |

Na hora de dormir, a higiene é um aspecto muito importante, e mudar os lençóis de cama desempenha um papel crucial a este respeito. Durante a noite, nossos corpos transpiram e suam, transferindo algum desse ar e fluidos para os lençóis e colchões. Além disso, a poeira do próprio ambiente é depositada sobre os tecidos, fazendo com que o aparecimento de ácaros acelere, com claras consequências negativas para a nossa saúde.

 Há muitas razões pelas quais os lençóis podem ficar sujos (cabelo, humidade, suor, fluidos corporais, cremes, pedaços de pele, etc.), e por isso temos de os mudar frequentemente para podermos dormir em lençóis limpos, o que proporciona grande conforto e higiene.

Com que frequência se deve mudar os lençóis de uma cama?

O período ideal para trocar os lençóis é de 3 a 4 dias, o que permite tempo suficiente para lavar, secar, passar a ferro e dobrar o conjunto de lençóis de reposição. Além disso, durante este curto período, as folhas que estão a ser utilizadas não adquirem um grau de sujidade que impeça a sua utilização

Se você tem animais de estimação em casa, o cabelo e sua capacidade de subir nas camas, torná-lo muito necessário para mudar os lençóis e outros lençóis com frequência. Neste período de 3 a 4 dias para a troca de lençóis, toma-se por certo que durante o mesmo, se faz um uso correto dos mesmos, para evitar que fiquem sujos, como evitar comer e beber na cama, arejar o quarto com os lençóis esticados, não colocar os pés com sapatos ou meias em cima dos lençóis, etc. 

No verão, quando o calor está apertado, é melhor reduzir este tempo de mudança, mesmo atingindo a mudança diária se necessário. 

Como regra geral, os lençóis de cama devem ser lavados com água quente entre 40 e 60 graus, salvo indicação em contrário no rótulo, a fim de matar bactérias e ácaros, e também para facilitar a limpeza das manchas.

No caso de um incidente que suje os lençóis, como líquido derramado ou mesmo relações sexuais, os lençóis devem ser trocados sem respeitar esse período de tempo. Também é importante mudar os lençóis diariamente se você estiver doente, pois vírus e bactérias podem ser transferidos aos mesmos.

Porquê usar um protector de colchão?

Os lençóis não são isolantes, mas sim roupa de cama para melhorar o nosso conforto e descanso. Portanto, a sua função não é proteger o colchão de muitos dos agentes que podem sujá-los, como suor, fluidos, restos de cremes, maquiagem, etc. É por isso que é aconselhável utilizar um protector de colchão, tal como a capa dupla Tencel, que isola o colchão de todos estes agentes externos. A Tencel é capaz de impermeabilizar o colchão além de deixá-lo respirar, sendo o único produto capaz de fazer as duas coisas ao mesmo tempo. Com esta capa dupla Tencel, há duas camadas de proteção deste material, o que reforça a segurança do nosso colchão. 

Ao mudar os lençóis estamos a ganhar em higiene e conforto, embora não estejamos a proteger o colchão com esta mudança. Para protegê-lo adequadamente, é necessário usar um protetor de colchão que impeça tudo o que os lençóis não podem isolar

Passamos pelo menos 8 horas por dia a dormir, onde o nosso corpo repousa nos lençóis. Portanto, estas são uma parte importante da nossa higiene e devem ser cuidadas de forma adequada e constante.