Dicas para que a mudança de hora não afete o seu descanso

Nov 12, 2020 | INFORMAMOS-TE |

Como todos os anos por estas datas, a mudança de horário chega para adequar-nos ao horário de inverno. Durante anos, esta prática tem sido realizada no outono e o seu objetivo é adaptar as horas do sol com o horário de trabalho e, assim, poupar no consumo de energia.

Neste momento, trata-se de uma diretiva europeia que nos obriga a alterar os horários de inverno e de verão. Enquanto se aguarda a decisão de definir um horário fixo, continuaremos a atrasar ou adiantar o relógio por uma hora em cada caso.

Até que isso aconteça, temos de continuar a adaptar-nos a estas mudanças, tentando evitar que as suas consequências nos afetem ao máximo no nosso dia a dia. Entre elas, estão alguns como: cansaço, sonolência, irritabilidade, falta de concentração e até insónias.

Nesta mudança de hora teremos que atrasar os relógios por uma hora. Quando são 03:00 da manhã, serão 02:00 de novo e com isto vamos dormir uma hora a mais nessa noite. Mesmo que pareça uma mentira, esse pequeno gesto vai afetar-nos nos próximos dias.

O desequilíbrio da mudança de hora influencia geralmente mais os idosos e as crianças, mas qualquer um de nós pode ser afetado pelos hábitos diários. Para que a mudança de hora não prejudique o seu descanso, oferecemos-lhe uma série de dicas para que possa adaptar-se rapidamente ao novo horário estabelecido.

Adaptação do sono

A mudança de horário de inverno está marcada no último fim de semana de outubro durante a madrugada de sábado para domingo. Ao suceder num feriado, a vantagem é que podemos aproveitar o domingo para começar a habituar-nos caso não tenhamos sido capazes de fazê-lo antes.

Em qualquer caso, é aconselhável alterar o tempo do relógio antes de ir dormir. Assim, quando despertar, saberá exatamente que horas são e o seu relógio biológico sincronizará mais facilmente.

O dia vai ser mais longo do que o habitual. É por isso que não é recomendado prolongar as horas de sono, e mesmo que seja feriado, é melhor evitar a sesta até que o seu corpo não se habitue ao novo horário.

Alimentação saudável

A mudança de hora também afeta o nosso organismo, por isso é essencial controlar as refeições que fazemos durante o dia. É muito importante tentar não picar entre horas para que, para isso, possa encurtar gradualmente o horário das refeições e, assim, não cair em tentações.

Idealmente, mudaremos o nosso horário habitual de refeições em cerca de quinze minutos, quatro ou cinco dias antes da mudança. Mas, se as circunstâncias não forem possíveis, pode começar a sua nova rotina no domingo.

É aconselhável eliminar alimentos ricos em gordura, difíceis de digerir, e optar por jantares leves. O mesmo se aplica para bebidas excitantes. Se as consumir, podem influenciar negativamente o seu sono.

Praticar exercício

Com o horário de inverno, os dias ficam mais curtos à medida que escurece muito mais cedo. É por isso que é aconselhável aproveitar todas as horas possíveis de luz natural para realizar todas as atividades que requerem maior concentração física e mental.

Para equilibrar a falta de luz solar durante a tarde, é apropriado fazer exercício físico. Assim, uma boa ideia pode ser ir dar um passeio ou um passeio de bicicleta. Se preferir, também pode praticar, por exemplo, algum tipo de ioga ou pilates na sua casa. As opções são muito variadas e só tem de escolher aquela que melhor se adequa aos seus gostos.

Uma dica que pode ajudar: Tente não praticar desporto imediatamente antes de ir dormir, pois os seus efeitos podem ser contraproducentes.

Relaxe com a leitura

Uma das consequências da mudança de tempo é a irritabilidade, que neste caso pode ocorrer ao verificar como os dias encurtam. Neste sentido, os benefícios da leitura podem ser indiscutíveis e é uma das formas mais saudáveis de relaxar.

Um pouco de leitura ajuda a desconectar-se e envolve uma concentração que o fará esquecer o quão irritante pode ser que até meio da tarde não haja luz natural. Aproveite aquelas horas com menos luminosidade para desfrutar e preparar o seu corpo para dormir.

Este sentimento será temporário, uma vez que o nosso corpo tem a incrível capacidade de assumir mudanças muito rapidamente. Normalmente em três ou quatro dias podemos ser sincronizados com o novo horário.

Seguindo o nosso conselho, pode ser muito fácil para si, recuperar a normalidade dos hábitos diários e, acima de tudo, poder descansar após um longo dia. Lembre-se que descansar é a chave para a sua saúde!