Como dormir a sesta?

14 de novembro de 2017

A sesta sem dúvida pode ser considerada uma tradição em vários países. Com diferentes nomes e talvez menos enraizada, dormir uns minutos durante o dia é uma prática que se encontra estendida por todo o mundo. Tanto é assim que tem sido alvo de investigação por entidades e universidades desde os Estados Unidos ao Japão. Os estudos realizados provaram que não deve durar mais de meia hora. No entanto existem muitas questões que devem ser consideradas.

A sesta pode ser muito benéfica para uma grande maioria de pessoas. Está provado que uma sesta curta a metade da jornada laboral permite recuperar energia e aumentar a produtividade. No entanto a sesta não é igualmente recomendável para todos. Se sofre de insónia pela noite, deveria evitar dormir durante o dia, sendo que agravará os seus problemas para ganhar sono.

De igual forma também não serve realizá-la em qualquer sitio ou qualquer momento. Dormir sobre o escritório ou em posturas incorretas fará unicamente que se desperte com dores e sem ter podido descansar. Quanto à duração, todos os estudos coincidem em que não deve estender mais de meia hora, especialmente para evitar que afete o seu sono noturno.

Os benefícios da sesta estão comprovados, pelo que tem a desculpa perfeita para justificar “passar pelas brasas”. No entanto lembre-se que em nenhum caso uma sesta deva substituir as suas horas de sono noturno.